26 de Outubro de 2017 / às 21:19 / em 22 dias

Acionistas da Neoenergia aprovam grupamento de ações, sem alteração em capital social

SÃO PAULO (Reuters) - Os acionistas da Neoenergia aprovaram o grupamento de ações ordinárias da companhia na proporção de 7,50 ações por 1 ação, sem modificação do capital social da empresa, que permanece em cerca de 9,33 bilhões de reais, segundo ata da assembleia geral extraordinária (AGE), divulgada nesta quinta-feira.

O grupamento altera “única e exclusivamente” o número de ações da emissão da elétrica, agora dividido em 1 bilhão de ações ordinárias.

Conforme a empresa, as frações de ações detidas pelos acionistas Previ e BB-BI como resultado do grupamento de ações serão atribuídas à Iberdrola Energia, “de forma que cada um dos acionistas detenha um número inteiro de ações de emissão da companhia”.

Foram aceitas ainda as renúncias de Fábio Kanczuk ao cargo de membro titular e de Aguinaldo Barbieri ao de membro suplente do Conselho de Administração.

Paralelamente, o Conselho elegeu Juan Manuel Eguiagaray Ucelay e Cristiano Frederico Ruschmann, como membros independentes do Conselho de Administração.

Por José Roberto Gomes

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below