31 de Outubro de 2017 / às 10:08 / 22 dias atrás

Cade aprova sem restrições compra da TCP Participações por operadora de portos chinesa

SÃO PAULO (Reuters) - O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) aprovou sem restrições a compra da TCP Participações, que tem operações no porto de Paranaguá, no Paraná, pela China Merchants Port Holdings, de acordo com despacho publicado no Diário Oficial da União desta terça-feira.

A empresa chinesa anunciou em setembro a compra de 90 por cento da TCP, que oferece serviços portuários no terminal de contêiners do Porto Organizado de Paranaguá, por 2,9 bilhões de reais, com o objetivo de se expandir para a América Latina. [nL2N1LL0A6]

“A operação não acarreta nenhuma sobreposição horizontal ou integração vertical material efetiva... e, portanto, não suscita preocupações sob a ótica concorrencial”, disse a Superintendência-Geral do Cade no despacho.

A CMPort, que pertence ao conglomerado estatal chinês China Merchant Group (CMG), está presente em 29 portos distribuídos por 15 países, em quatro continentes, incluindo os portos de Xangai e Dalian.

Por Raquel Stenzel

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below