9 de Novembro de 2017 / às 21:23 / um mês atrás

Comitê do governo decide não despachar térmicas mais caras

RIO DE JANEIRO (Reuters) - O Comitê de Monitoramento do Setor Elétrico (CMSE) decidiu em reunião extraordinária nesta quinta-feira não despachar térmicas com custo de geração mais elevado, “fora da ordem de mérito”, neste momento, por uma melhoria nos reservatórios do subsistema Sudeste/Centro-Oeste.

O Ministério de Minas e Energia também destacou que se encontra avançada a discussão sobre desjudicialização do risco hidrológico, que constitui a principal medida para destravar o Mercado de Curto Prazo. A medida será incluída em proposta de dispositivo legal a ser enviado ao Congresso Nacional nos próximos dias.

Por Marta Nogueira

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below