January 2, 2018 / 4:53 PM / 5 months ago

Produção de petróleo no Brasil cai pela 2ª vez consecutiva em novembro, diz ANP

Por Marta Nogueira

Plataforma de petróleo na Baia de Guanabara, Rio de Janeiro 20/04/2015 REUTERS/Pilar Olivares

RIO DE JANEIRO (Reuters) - A produção de petróleo no Brasil em novembro caiu pela segunda vez consecutiva ante o mês anterior, em meio a paradas programadas da Petrobras, apontaram dados da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) nesta terça-feira.

O país produziu, no penúltimo mês de 2017, 2,595 milhões de barris por dia (bpd), queda de 1,2 ante outubro e recuo de 0,5 por cento ante o mesmo mês de 2016, apontou a agência reguladora do setor, em seu boletim mensal de produção.

Em meados de dezembro, a Petrobras informou ao mercado que sua produção de petróleo em novembro havia caído principalmente devido à parada programada para manutenção de plataforma no campo de Marlim Leste, na Bacia de Campos, um dos mais importantes do país, apesar de já ser considerado maduro.

Já em setembro, a produção da petroleira havia sido impactada por paradas para manutenção nas bacias de Campos e Santos.

A produção de gás natural do país em novembro, por sua vez, somou média de 113,41 milhões de metros cúbicos por dia (m³/dia), queda de 1 por cento ante o mês anterior e alta de 2,1 por cento em relação ao mesmo mês de 2016.

Somando petróleo e gás natural, a produção no país em novembro somou média de 3,308 milhões de barris de óleo equivalente por dia (boe/d), queda de 1 por cento ante o mês anterior e volume muito semelhante ao registrado em novembro de 2016.

A produção do pré-sal, em 83 poços, foi responsável por 49,9 por cento do total produzido no Brasil.

A importante província, uma das maiores descobertas do mundo da última década, produziu em novembro 1,327 milhão de bpd e 52 milhões de m³/dia de gás natural, totalizando 1,652 milhão de boe/d, alta de 1,5 por cento ante outubro.

Segundo a ANP, a produção média de petróleo da Petrobras, como concessionária, em novembro foi de 2,017 milhões de bpd, queda de 1,35 por cento ante outubro.

Já a Shell, segunda maior produtora do Brasil e principal parceira da Petrobras, produziu em novembro 315.441 bpd, alta de 0,9 por cento ante outubro.

Por Marta Nogueira

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below