January 3, 2018 / 12:34 PM / a year ago

EUA barram venda da MoneyGram para chinesa Ant Financial por temor sobre segurança nacional

(Reuters) - O plano da chinesa Ant Financial de adquirir o grupo norte-americano de transferência de fundos MoneyGram International entrou em colapso na terça-feira, depois que um painel do governo dos Estados Unidos rejeitou o acordo por temores com a segurança nacional.

Logo da MoneyGram em banco de Viena, Áustria 28/06/2016 REUTERS/Heinz-Peter Bader

O fracasso da transação de 1,2 bilhão de dólares representa um golpe para Jack Ma, presidente-executivo do conglomerado chinês de Internet Alibaba Group Holding, que é dono da Ant Financial juntamente com executivos do grupo.

Ele buscava expandir a atuação da Ant Financial em meio à acirrada concorrência doméstica com a plataforma de pagamento WeChat da rival chinesa Tencent Holdings.

Ma, um cidadão chinês que aparece frequentemente com líderes do mais alto escalão do Partido Comunista, prometeu ao presidente dos EUA, Donald Trump, em uma reunião um ano atrás que criaria 1 milhão de empregos nos EUA.

As ações da MoneyGram caíram 8,5 por cento no pregão eletrônico.

As companhias decidiram encerrar o acordo após o Comitê sobre Investimento Estrangeiro nos EUA (CFIUS, na sigla em inglês) rejeitar as propostas para mitigar preocupações com a segurança de dados que podem ser usados para identificar cidadãos norte-americanos, de acordo com fontes familiarizadas com as discussões.

“Apesar de nossos melhores esforços para trabalhar cooperativamente com o governo norte-americano, tornou-se claro que o CFIUS não aprovará essa fusão”, disse o presidente-executivo da MoneyGram, Alex Holmes, em comunicado na terça-feira.

O governo dos EUA endureceu a posição em relação à venda de companhias norte-americanas para entidades chinesas, num momento em que Trump tenta pressionar a China a ajudar a conter as ambições nucleares da Coreia do Norte e a ser mais flexível em questões de comércio e câmbio.

O acordo envolvendo a MoneyGram é o mais recente de uma série de aquisições de empresas norte-americanas por chinesas que não conseguiram aprovação do CFIUS, incluindo a compra por 1,3 bilhão de dólares da fabricante de chips Lattice Semiconductor Corp pelo fundo Canyon Bridge Capital Partners, que tem o apoio chinês.

A Ant Financial informou que pagou à MoneyGram 30 milhões de dólares devido ao colpaso do acordo.

Reportagem adicional por Nikhil Subba e Vibhuti Sharma, em Bengaluru, Philip Wen, em Pequim, e Kane Wu, em Hong Kong

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below