January 19, 2018 / 6:47 PM / 10 months ago

Colheita de soja 17/18 no Brasil está atrasada; plantio de milho 2ª safra alcança 0,8%

SÃO PAULO (Reuters) - A colheita de soja da safra 2017/18 no Brasil avançou 0,7 ponto percentual em uma semana e alcançou 0,8 por cento da área total na quinta-feira (18), disse nesta sexta-feira a AgRural, destacando o atraso nos trabalhos de campo na comparação com temporadas anteriores.

Plantação em,Barreiras, Bahia 19/3/2017 REUTERS/Roberto Samora

Há um ano, a colheita do ciclo 2016/17 atingia 2,2 por cento do total, enquanto na média das últimas cinco safras, 1,2 por cento, afirmou a consultoria.

De acordo com a AgRural, os trabalhos começaram apenas em Rondônia e Mato Grosso, principal produtor nacional e onde a colheita atingia 2,8 por cento da área na quinta-feira, também abaixo tanto do observado há um ano (7,5 por cento) quanto na média recente (3,9 por cento).

O atraso na colheita reflete tanto o atraso no plantio, em razão da estiagem entre setembro e outubro, quanto chuvas em excesso recentemente, mas produtores ouvidos pelo Rally da Safra ainda apontam boas produtividades apesar dessas condições climáticas.

“Em Mato Grosso do Sul e Goiás, onde já havia colheita nesse mesmo período do ano passado, os trabalhos devem engrenar somente em fevereiro, devido ao plantio mais tardio. O mesmo vale para o Paraná, que... ainda teve alongamento do ciclo de parte das lavouras devido à falta de luminosidade e às temperaturas mais baixas que marcaram boa parte desta safra”, destacou a AgRural.

“Mas, apesar da colheita mais tardia, a expectativa é de altas produtividades no Paraná e nos Estados do Centro-Oeste”, acrescentou a consultoria.

A AgRural espera uma colheita de 114 milhões de toneladas de soja neste ano no Brasil, bem perto do recorde registrado no ano passado.

Cerca de 6,5 milhões de toneladas de soja sairão das lavouras brasileiras até o fim de janeiro —a maior parte de Mato Grosso, que deve colher 5,6 milhões de toneladas, disse a AgRural.

MILHO

Em relação ao milho de primeira safra, o “verão”, a colheita no centro-sul chega a 1 por cento da área, atrasada em relação aos 2 por cento da média de cinco anos, mas à frente do 0,5 por cento do ano passado.

“As chuvas previstas para o Rio Grande do Sul devem dificultar a colheita nos próximos dias, mas são bem-vindas para a produtividade de áreas mais tardias”, disse a consultoria.

Em relação ao milho de segunda safra, o “safrinha”, colhido no inverno, a AgRural disse que o plantio no centro-sul do país totalizava 0,8 por cento da área prevista até quinta-feira, ante 2,8 por cento há um ano e 1,1 por cento na média de cinco anos.

Por José Roberto Gomes

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below