April 23, 2018 / 4:45 PM / 4 months ago

Índices acionários europeus avançam com apoio do setor financeiro; UBS desaponta

LONDRES/MILÃO (Reuters) - Os mercados acionários europeus subiram nesta segunda-feira, com o aumento dos rendimentos das Treasuries dos Estados Unidos ajudando a elevar as ações dos bancos para máximas de quase cinco semanas e mais do que compensando resultados decepcionantes do UBS e as perdas entre os setores indicadores dos movimentos dos títulos.

O índice FTSEurofirst 300 subiu 0,35 por cento, a 1.503 pontos, enquanto o índice pan-europeu STOXX 600 ganhou 0,35 por cento, a 383 pontos.

As ações do banco suíço UBS subiram 0,35 por cento, revertendo perdas iniciais, à medida que os ganhos financeiros aumentaram e Wall Street subia.

O setor financeiro, que se beneficiou do aumento dos rendimentos crescentes dos Treasuries, foi amplamente positivo com o índice bancário subindo 0,75 por cento. Os bancos italianos ganharam 1 por cento para o seu nível mais alto em mais de dois anos depois da notícia de que o Banco Central Europeu estava considerando arquivar regras planejadas que teriam forçado o banco a separar mais dinheiro de suas ações de empréstimos não pagos.

Os papéis do setor de consumo, que os investidores vêem como um indicador para o desempenho dos títulos por seu rendimento estável e fluxo de receita, foram os que mais pesaram sobre o STOXX depois que os rendimentos dos Treasuries dos EUA atingiram o nível mais alto desde janeiro de 2014.

A Nestlé, a AB InBev e a Unilever estavam entre as mais afetadas.

“Apesar do momento de crescimento econômico mais fraco, os setores defensivos têm tido dificuldade para ter um desempenho superior de forma consistente, e permanecemos em geral negativos dadas nossas previsões de que os rendimentos dos títulos vão subir novamente”, escreveu Peter Oppenheimer, estrategista do Goldman Sachs.

O índice FTSEurofirst 300 fechou em alta de 0,35 por cento, a 1.502 pontos.

Em LONDRES, o índice Financial Times avançou 0,42 por cento, a 7.398 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX subiu 0,25 por cento, a 12.572 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 ganhou 0,48 por cento, a 5.438 pontos.

Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve valorização de 0,64 por cento, a 23.982 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou alta de 0,38 por cento, a 9.922 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 valorizou-se 0,30 por cento, a 5.544 pontos.

Por Helen Reid e Danilo Masoni

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below