June 20, 2018 / 10:10 AM / 5 months ago

Índices acionários da China têm recuperação após imprensa estatal acalmar pânico com guerra comercial

XANGAI (Reuters) - Os mercados acionários da China recuperaram parte das fortes perdas da sessão anterior nesta quarta-feira, uma vez que comentários favoráveis da imprensa estatal e uma série de planos de compras de ações por empresas listadas aliviaram o pânico com a guerra comercial entre chineses e norte-americanos.

Investidores observam dados de ações em casa de corretagem em Xangai, na China 09/02/2018 REUTERS/Aly Song

Entretanto, os investidores permanecem cautelosos com a sustentabilidade a longo prazo da recuperação, com o índice de Xangai em alta de apenas 0,31 por cento após despencar quase 4 por cento na terça-feira devido aos temores de que a piora dos atritos comerciais entre Washington e Pequim poderia afetar a já frágil recuperação da economia chinesa.

O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, teve alta de 0,41 por cento.

As negociações comerciais entre as duas maiores economias do mundo têm mostrado um padrão de “um passo à frente, dois para trás”, disse o gerente de carteira da Fidelity International

Raymond Ma.

A recuperação desta quarta-feira foi liderada por setores que são menos vulneráveis aos atritos comerciais, como os de consumo e saúde.

Algum sinal de estabilidade surgiu depois que a mídia estatal encorajou os mercados acionários do país, enquanto mais de 30 empresas listadas anunciaram planos de compras de ações por grandes acionistas.

Como exemplo, em um artigo de primeira página o Shanghai Securities News disse que fatores “favoráveis” que devem dar suporte às ações não mudaram, como a melhora constante da situação macroeconômica, as condições razoáveis e estáveis da liquidez e o sólido mecanismo das operações de mercado.

O restante dos mercados asiáticos também teve um dia positivo com caça por barganhas após as perdas do dia anterior. Às 7:04 (horário de Brasília), o índice MSCI, que reúne ações da região Ásia-Pacífico com exceção do Japão, tinha ganhos de 0,74 por cento.

. Em TÓQUIO, o índice Nikkei avançou 1,24 por cento, a 22.555 pontos.

. Em HONG KONG, o índice HANG SENG subiu 0,77 por cento, a 29.696 pontos.

. Em XANGAI, o índice SSEC ganhou 0,31 por cento, a 2.916 pontos.

. O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em XANGAI e SHENZHEN, avançou 0,41 por cento, a 3.635 pontos.

. Em SEUL, o índice KOSPI teve valorização de 1,02 por cento, a 2.363 pontos.

. Em TAIWAN, o índice TAIEX registrou alta de 0,21 por cento, a 10.927 pontos.

. Em CINGAPURA, o índice STRAITS TIMES valorizou-se 0,44 por cento, a 3.315 pontos.

. Em SYDNEY o índice S&P/ASX 200 avançou 1,16 por cento, a 6.172 pontos.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below