June 20, 2018 / 5:06 PM / 3 months ago

Temores de guerra comercial persistem e índices acionários europeus têm recuperação tímida

LONDRES (Reuters) - Os principais índices acionários europeus subiram nesta quarta-feira, mas a recuperação modesta foi insuficiente para apagar as perdas da sessão anterior já que os temores dos investidores em relação à disputa comercial entre os Estados Unidos e a China persistiram.

O índice FTSEurofirst 300 subiu 0,31 por cento, a 1.503 pontos, enquanto o índice pan-europeu STOXX 600 ganhou 0,28 por cento, a 384 pontos.

O crescente conflito comercial entre China e Estados Unidos já afetou duramente os mercados e, dado que ambos os protagonistas não mostram disposição em recuar, muitos analistas temem que o pior ainda esteja por vir para os mercados.

“É justo dizer que eles têm mais espaço para cair se um acordo não for encontrado”, disse o estrategista do Deutsche Bank Jim Reid, acrescentando que “os mercados estão começando a precificar a possibilidade de isso não ser uma disputa de curto prazo”.

As preocupações com o comércio ficaram evidentes com o quarto dia consecutivo de perdas para o setor automobilístico, que registrou uma queda de 0,6 por cento, e novas quedas nas ações da Airbus, que têm se mostrado sensíveis à disputa tarifária.

As ações bancárias sustentaram o mercado, com o espanhol Banco Santander e o italiano Unicredit subindo 1,4 e 2,8 por cento respectivamente, na esteira do acordo franco-alemão para promover a integração da zona do euro.

O banco italiano BPM vendeu carteiras de créditos inadimplentes a um preço superior ao esperado, melhorando também o sentimento positivo em torno do setor bancário, particularmente no contexto de incerteza política na Itália.

O índice de ações bancárias da Itália subiu 2,2 por cento, em seu melhor dia desde 11 de junho.

Em LONDRES, o índice Financial Times avançou 0,31 por cento, a 7.627 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX subiu 0,14 por cento, a 12.695 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 perdeu 0,34 por cento, a 5.372 pontos.

Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve valorização de 0,16 por cento, a 22.120 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou alta de 0,34 por cento, a 9.788 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 desvalorizou-se 0,19 por cento, a 5.533 pontos.

Por Julien Ponthus e Helen Reid

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below