June 26, 2018 / 10:28 AM / 3 months ago

Índices acionários da China acompanham perdas globais pressionados por setores imobiliário e aéreo

XANGAI (Reuters) - A China se juntou à onda de vendas generalizadas de ações nesta terça-feira, com seu mercado acionário recuando conforme o atrito comercial entre os Estados Unidos e outras grandes economias afastaram os investidores de ativos mais arriscados.

Investidores observam dados de ações em casa de corretagem em Xangai, na China 09/02/2018 REUTERS/Aly Song

O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, caiu 0,83 por cento, enquanto o índice de Xangai teve queda de 0,51 por cento.

Sinais conflitantes do governo norte-americano sobre as restrições propostas a investimento estrangeiro em empresas de tecnologia dos EUA, junto com notícias de que tarifas de importação recentemente adotadas começam a afetar cadeiras de oferta, pressionaram os mercados acionários globais na segunda-feira.

As ações dos setores imobiliário e aéreo chinesas continuaram a liderar o declínio em meio à queda do iuan.

O índice que monitora importantes construtoras do país caiu 4,4 por cento após uma queda de quase 5 por cento na sessão anterior, com o enfraquecimento do iuan levantando temores de saída de capital que pode pesar sobre os preços dos ativos.

O iuan caiu para uma mínima de quase seis meses em relação ao dólar dos EUA nesta terça-feira, pressionado por uma fixação oficial menor à medida que a pressão se intensificou sobre a moeda local devido a disputa comercial com os EUA.

As ações asiáticas registraram perdas de forma generalizada na sessão após a queda em Wall Street na segunda-feira, e às 7h24 (horário de Brasília) o índice MSCI, que reúne ações da região Ásia-Pacífico com exceção do Japão, tinha queda de 0,32 por cento.

. Em TÓQUIO, o índice Nikkei avançou 0,02 por cento, a 22.342 pontos.

. Em HONG KONG, o índice HANG SENG caiu 0,28 por cento, a 28.881 pontos.

. Em XANGAI, o índice SSEC perdeu 0,51 por cento, a 2.844 pontos.

. O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em XANGAI e SHENZHEN, retrocedeu 0,83 por cento, a 3.530 pontos.

. Em SEUL, o índice KOSPI teve desvalorização de 0,30 por cento, a 2.350 pontos.

. Em TAIWAN, o índice TAIEX registrou baixa de 0,41 por cento, a 10.742 pontos.

. Em CINGAPURA, o índice STRAITS TIMES valorizou-se 0,61 por cento, a 3.280 pontos.

. Em SYDNEY o índice S&P/ASX 200 recuou 0,21 por cento, a 6.197 pontos.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below