July 2, 2018 / 10:56 AM / 15 days ago

Índices acionários da China e iuan caem com proximidade de prazo das tarifas dos EUA

XANGAI (Reuters) - Os mercados acionários chineses recuaram nesta segunda-feira e iniciaram julho com fraqueza, dias antes das tarifas dos Estados Unidos sobre as exportações chinesas entrarem em vigor, com a bolsa de Xangai atingindo mínimas em mais de dois anos e o iuan caindo em meio a preocupações de que a guerra comercial pode afetar a economia do país.

Investidores observam dados de ações em casa de corretagem em Xangai, na China 09/02/2018 REUTERS/Aly Song

O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, recuou 2,93 por cento, enquanto o índice de Xangai teve queda de 2,52 por cento e atingiu o nível mais baixo desde 1 de março de 2016.

O iuan, que teve seu pior mês em junho, registrou mais perdas em relação ao dólar, sendo negociado a 6,6620 por dólar depois de ter fechado na sexta-feira a 6,6225 dólar.

Os investidores estão nervosos antes do prazo de 6 de julho em que os EUA vão impor tarifas sobre 34 bilhões de dólares em produtos chineses, o epicentro de uma disputa acirrada entre Washington e as principais economias que agitou o mercado financeiro.

Pequim deve responder com tarifas próprias sobre produtos dos EUA, e a disputa comercial entre as duas maiores economias do mundo ameaça prejudicar o comércio global e os investimentos.

Houve pouco alívio para os investidores em ativos chineses uma vez que a pesquisa Índice de Gerentes de Compras (PMI, na sigla em inglês) do Caixin/Markit mostrou que a atividade industrial da China desacelerou ligeiramente em junho.

As perdas na China pressionaram o restante da região e às 7h52 (horário de Brasília) o índice MSCI, que reúne ações da região Ásia-Pacífico com exceção do Japão, tinha queda de 0,71 por cento.

. Em TÓQUIO, o índice Nikkei recuou 2,21 por cento, a 21.811 pontos.

. Em HONG KONG, o índice HANG SENG permaneceu fechado.

. Em XANGAI, o índice SSEC perdeu 2,52 por cento, a 2.775 pontos.

. O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em XANGAI e SHENZHEN, retrocedeu 2,93 por cento, a 3.407 pontos.

. Em SEUL, o índice KOSPI teve desvalorização de 2,35 por cento, a 2.271 pontos.

. Em TAIWAN, o índice TAIEX registrou baixa de 0,54 por cento, a 10.777 pontos.

. Em CINGAPURA, o índice STRAITS TIMES desvalorizou-se 0,91 por cento, a 3.238 pontos.

. Em SYDNEY o índice S&P/ASX 200 recuou 0,27 por cento, a 6.177 pontos.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below