July 5, 2018 / 9:25 PM / 3 months ago

Wall St sobe com otimismo sobre relações comerciais EUA-UE

NOVA YORK (Reuters) - Os principais índices acionários dos Estados Unidos subiram nesta quinta-feira, com notícias de que os EUA e a União Europeia podem concordar em retirar tarifas de importação de automóveis provocando otimismo sobre relações comerciais internacionais entre investidores.

Tarifas sobre carros importados dos Est5ados Unidos impactam mercados norte-americanos 24/10/2017 REUTERS/Peter Nicholls

O índice Dow Jones subiu 0,75 por cento, a 24.357 pontos, enquanto o S&P 500 ganhou 0,862075 por cento, a 2.737 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq avançou 1,12 por cento, a 7.586 pontos.

A chanceler alemã, Angela Merkel, afirmou que apoiaria a redução de tarifas da UE sobre importações de carros dos EUA. Uma fonte da indústria disse à Reuters que o embaixador dos EUA na Alemanha, Richard Grenell, tinha mencionado a executivos do setor automotivo na Alemanha que o presidente Donald Trump poderia abandonar a ameaça de impor tarifas em automóveis europeus importados se, em troca, a UE reduzisse tarifas sobre carros dos EUA.

Os índices acionários ampliaram ganhos na última hora de sessão, depois de reduzirem um pouco os ganhos após a ata do encontro de junho do Comitê Federal de Mercado Aberto (Fomc, na sigla em inglês).

A ata refletiu confiança entre as autoridades do Fed na força da economia dos EUA e em seus planos de aumentos de juros no futuro. No encontro de junho, o Fed elevou os juros pela segunda vez neste ano e tem sinalizado que aumentos adicionais são prováveis.

“A expectativa do mercado sempre foi de que o Fed iria parar de elevar os juros quando chegarmos à taxa neutra”, disse o estrategista-chefe de mercado na JonesTrading, Michael O’Rourke. “É o tipo de declaração que vai assustar investidores, sabendo que o Fed pode apertar além do nível neutro.”

As ações do setor de tecnologia lideravam os ganhos no S&P 500, com as ações de vários fabricantes de chips subindo. O índice de semicondutores da Filadélfia subiu 2,7 por cento.

“O fato de funcionários dos EUA e da UE estarem discutindo propostas para eliminar algumas tarifas sobre importações de automóveis, é o que está ajudando o humor hoje e acalmando os medos de uma escalada da guerra comercial”, disse Ryan Larson, chefe de negociações de ações dos EUA na RBC Global Asset Management.

As tarifas dos EUA sobre 34 bilhões de dólares em importações chinesas entrarão em vigor na sexta-feira e Pequim afirmou que irá responder na mesma medida sobre bens dos EUA que vão de carros a soja no instante que as medidas dos EUA passarem a valer.

Não havia evidências de negociações de última hora entre os EUA e autoridades chineses, disseram fontes do setor privado em Washington e Pequim.

Investidores, entretanto, sugeriram que as iminentes tarifas desta sexta-feira já estavam precificadas nas ações.

“Há muita incerteza, mas os mercados reagiram de forma razoavelmente calma e racional”, disse Oliver Pursche, estrategista-chefe de mercado na Bruderman Asset Management. “Tem havido muita retórica, mas não muita ação em termos de guerra comercial.”

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below