July 13, 2018 / 3:26 PM / 2 months ago

Fed enfatiza crescimento econômico "sólido" dos EUA e repete abordagem gradual

WASHINGTON (Reuters) - O crescimento econômico dos Estados Unidos foi sólido durante o primeiro semestre do ano e o Federal Reserve continua a esperar altas graduais dos juros, afirmou o banco central do país em um relatório positivo ao Congresso.

Prédio do Federal Reserve em Washington 16/09/2015 REUTERS/Kevin Lamarque/File Photo

É a segunda apresentação do Fed a legisladores desde que o chairman Jerome Powell assumiu o comando do banco central em fevereiro. Ele responderá a perguntas na terça-feira e na quarta.

Detalhes do relatório de 63 páginas são consistentes com o cenário atual do Fed detalhado em suas reuniões de política monetária, de que o crescimento econômico forte e o desemprego baixo exigem altas de juros, mas que a falta de fortes pressões inflacionárias significa que elas podem ser graduais.

“No primeiro semestre deste ano, a atividade econômica no geral parecer ter se expandido a um ritmo sólido”, disse o Fed em seu relatório, acrescentando que a economia continua a ser sustentada pelo sentimento favorável tanto do consumidor quanto do empresariado, aumentos passados da renda das famílias, crescimento econômico sólido no exterior e condições financeiras domésticas expansionistas.

Assim, o Fed “espera que mais aumentos graduais” nos juros sejam apropriados conforme se empenha para continuar a nutrir uma expansão econômica que agora é a segunda mais longa já registrada.

O Fed disse que o pacote de cortes tributários da administração de Donald Trump provavelmente contribuiu para uma recuperação nos gastos do consumidor depois de um início de ano fraco, e deve fornecer um impulso moderado para o crescimento econômico este ano.

Na véspera, Powell disse acreditar que a economia norte-americana permanece em um “boa forma”, com os programas recentes de impostos e gastos do governo provavelmente impulsionando o Produto Interno Bruto (PIB) por três anos.

O Fed elevou os juros sete vezes desde que iniciou o ciclo de aperto monetário em dezembro de 2015 e promoveu o último aumento em meados de junho. O Fed prevê mais duas altas até o final do ano.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below