August 2, 2018 / 1:06 PM / in 4 months

Preços globais dos alimentos caem 3,7% em julho na comparação com junho, diz FAO

Frutas são exibidas em feira em Lima, Peru 17/07/2018 REUTERS/Mariana Bazo

SÃO PAULO (Reuters) - Os preços dos alimentos caíram 3,7 por cento em julho em relação ao mês anterior, a maior queda mensal desde dezembro, com recuos em todos os tipos de produtos, informou a agência de alimentos da ONU nesta quinta-feira.

O índice de preços de alimentos da Organização para Agricultura e Alimentação (FAO), que mede as variações mensais de uma cesta de cereais, oleaginosas, laticínios, carnes e açúcar, ficou em uma média de 168,8 pontos no mês passado, contra uma média revisada de 175,3 em junho.

O número de junho foi dado anteriormente como 173,7.

“O declínio em julho foi guiado por cotações de exportação mais fracas para trigo, milho e arroz”, disse a FAO.

“Os preços internacionais do trigo foram, em geral, mais fracos durante a primeira metade do mês, mas as preocupações com as perspectivas de produção na UE e na Rússia começaram a elevar os valores das exportações no final do mês”, acrescentou.

As maiores quedas individuais foram registradas no índice de preços de lácteos e no do açúcar.

A FAO não forneceu nenhuma nova previsão para a produção de cereais em 2018. A próxima estimativa será em 6 de setembro.

Por Crispian Balmer

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below