August 2, 2018 / 4:37 PM / 4 months ago

Gol viu reservas de voos em níveis mais normais em julho, após impacto da greve dos caminhoneiros

09/08/2017. REUTERS/Paulo Whitaker

SÃO PAULO (Reuters) - As reservas de voos na Gol voltaram a “patamares mais normais” no mês passado, após a greve dos caminhoneiros ocorrida no fim de maio e que resultou em impactos ainda até junho, disse nesta quinta-feira o vice-presidente financeiro da empresa, Richard Lark.

As reservas em junho, logo após a paralisação dos caminhoneiros, foram afetadas pela diminuição da confiança. No entanto, o executivo afirmou, durante teleconferência com analistas sobre os resultados do segundo trimestre, que esse impacto já diminuiu em julho, com a recuperação das reservas.

Por Flavia Bohone

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below