August 7, 2018 / 2:12 PM / 2 months ago

Com ajuda externa, Bovespa sobe liderada por Magazine Luiza após resultado forte no 2º tri

SÃO PAULO (Reuters) - A bolsa paulista tinha o Ibovespa em alta nesta terça-feira, acompanhando o tom mais positivo em outros mercados acionários e o avanço dos preços de commodities, com as ações da Magazine Luiza renovando cotação máxima histórica após a varejista quase dobrar o lucro do segundo trimestre.

9/05/2016. REUTERS/Paulo Whitaker

Às 11:08, o Ibovespa subia 0,63 por cento, a 81.565,36 pontos. O volume financeiro era de 2 bilhões de reais.

No exterior, os pregões europeus eram influenciados positivamente pela temporada de resultados, enquanto Wall Street encontrava suporte em ações de energia, na esteira do avanço dos preços do petróleo em meio a expectativas de que sanções dos EUA ao Irã reduzam oferta.

O quadro político doméstico não trazia grandes novidades, com agentes financeiros na expectativa do primeiro debate entre os candidatos previsto para a quinta-feira. Na visão da equipe de análise política da XP Investimentos, o debate deve revelar a estratégia de cada campanha.

A XP também chama a atenção para o início da campanha em 16 de agosto, com cobertura televisiva do dia a dia de cada candidato.”Ainda que não mude drasticamente as intenções de voto ainda, é um elemento a mais para atrair a atenção do eleitor médio à disputa.”

Investidores também estão no aguardo de novas pesquisas eleitorais, principalmente Datafolha e Ibope, após a definição das chapas que estarão na disputa presidencial.

DESTAQUES

- MAGAZINE LUIZA subia 6,78 por cento, tendo atingido máxima histórica na abertura do pregão, após a varejista quase dobrar o lucro líquido do segundo trimestre para 140,7 milhões de reais, registrando no período a maior expansão trimestral de vendas em cinco anos. Para o Morgan Stanley, os resultados foram surpreendentemente fortes.

- B2W avançava 2,59 por cento e VIA VAREJO UNIT tinham elevação de 0,84 por cento, também entre as maiores altas do Ibovespa, contagiadas pelo desempenho da rival.

- GOL PN ganhava 1,81 por cento, tendo no radar dados de tráfego mostrando que a demanda total por assentos de seus voos cresceu 6,3 por cento em julho contra um ano antes, enquanto a oferta teve alta de 7 por cento no mesmo comparativo.

- VALE valorizava-se 2,04 por cento, respondendo por relevante suporte para os ganhos do Ibovespa, favorecida pelo avanço dos preços do minério de ferro na China

- PETROBRAS PN tinha acréscimo de 1,47 por cento, alinhada à trajetória positiva do petróleo Brent. A companhia também informou que seu conselho de administração aprovou a adesão da estatal à terceira fase de um programa do governo federal que prevê subvenção econômica à comercialização de diesel.

- ITAÚ UNIBANCO PN e BRADESCO PN subiam 0,34 e 0,22 por cento, respectivamente, endossando o viés positivo do Ibovespa, beneficiados pelo quadro mais positivo como um todo no mercado.

- BRADESPAR PN caía 2,27 por cento, após o Superior Tribunal de Justiça (STJ) não conceder medida cautelar para suspender ordem judicial para que a holding e a Litel depositem cerca de 4,5 bilhões de reais em ação de indenização à Elétron. O BTG Pactual considerou a notícia negativa, citando que uma perda relevante parece mais provável no curto prazo.

Por Paula Arend Laier

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below