August 13, 2018 / 4:21 PM / in 3 months

Bradespar vai emitir notas para pagar processo da Elétron, diz fonte

SÃO PAULO (Reuters) - A holding Bradespar, uma das maiores acionistas da mineradora Vale, planeja usar os recursos de uma emissão de notas de 2,4 bilhões de reais para pagar indenização à Elétron, do empresário Daniel Dantas, após decisão do Superior Tribunal de Justiça (STJ) na semana passada, disse uma fonte com conhecimento do assunto.

A Bradespar, controlada pelo Bradesco, anunciou a emissão de notas comerciais mais cedo, nesta segunda-feira.

O STJ não concedeu na semana passada medida cautelar para suspender um ordem judicial que determinava depósito de cerca de 4,5 bilhões de reais em ação de indenização à Elétron, pela Bradespar e Litel (outro grande acionista da Vale e que reúne participações de grandes fundos de pensão).

A Elétron, parte de um grupo que participou do leilão de privatização da Vale em 1997, obteve decisão favorável em um processo sobre uma opção para aumentar sua participação na Vale anos atrás, afirmou a Bradespar em documentos recentes, acrescentando que as apelações da empresa até agora não foram bem sucedidas.

No anúncio da emissão das notas, a Bradespar afirma apenas que os recursos serão usados para “cumprir com as obrigações existentes da companhia”.

Ambas as holdings apelaram da decisão, mas uma liminar exige que Bradespar e Litel depositem garantias para o pagamento à Elétron até terça-feira.

A Bradespar afirmou no mês passado que o valor concedido à Elétron foi calculado incorretamente.

Por Tatiana Bautzer

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below