December 12, 2018 / 12:29 PM / 5 months ago

Opep prevê menor demanda por petróleo em 2019, diz que grupo compensou Irã

Sede da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) em Viena, na Áustria 07/12/2018 REUTERS/Leonhard Foeger

LONDRES (Reuters) - A Opep afirmou nesta quarta-feira que substituiu a queda das exportações iranianas de petróleo, dada a retomada de sanções norte-americanas, e reduziu a previsão de demanda para 2019, ressaltando seu desafio de evitar um excesso de produção mesmo após a decisão da semana passada de reduzir a oferta.

Em um relatório mensal, a Organização dos Países Exportadores de Petróleo disse que sua produção caiu apenas 11 mil barris por dia, na comparação mensal, para 32,97 milhões de bpd em novembro, apesar da reimposição de sanções dos Estados Unidos sobre o Irã, já que a Arábia Saudita bombeou a uma taxa recorde.

A Opep também disse que a demanda de 2019 por seu petróleo deve cair para 31,44 milhões de bpd, 100 mil a menos do que o previsto no mês passado, enquanto os rivais aumentam mais a oferta e uma desaceleração da economia restringe o crescimento da demanda.

A Opep e seus aliados concordaram na semana passada em voltar a cortar a oferta em 2019, prometendo reduzir a produção em 1,2 milhão de bpd.

Por Alex Lawler

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below