December 12, 2018 / 1:49 PM / 3 months ago

Preços ao consumidor dos EUA permanecem inalterados em novembro

Pessoas fazem transação em dinheiro em Nova York, Estados Unidos 26/11/2015 REUTERS/Andrew Kelly/File Photo

WASHINGTON (Reuters) - Os preços ao consumidor dos Estados Unidos permaneceram inalterados em novembro, segurados por um forte declínio no preço da gasolina, mas as pressões inflacionárias permaneceram firmes em meio ao aumento dos aluguéis e dos custos de saúde.

O Departamento de Trabalho informou nesta quarta-feira uma leitura estável de seu índice de preços ao consumidor no mês passado, depois de subir 0,3 por cento em outubro. Esta foi a leitura mais fraca em oito meses.

Nos 12 meses até novembro, a inflação subiu 2,2 por cento, desacelerando em relação ao aumento de 2,5 por cento de outubro.

Excluindo os componentes voláteis de alimentos e energia, a inflação aumentou 0,2 por cento, igualando o ganho de outubro. Nos 12 meses até novembro, o chamado núcleo da inflação aumentou 2,2 por cento após subir 2,1 por cento em outubro.

Economistas consultados pela Reuters previam que a inflação iria permanecer inalterada e o núcleo da inflação ganharia 0,2 por cento em novembro.

Por Lucia Mutikani

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below