December 18, 2018 / 1:28 PM / 3 months ago

Trump pressiona Fed antes de reunião e aconselha a "não cometer outro erro"

Presidente norte-americano, Donald Trump, na Casa Branca em Washington, Estados Unidos 13/12/2018 REUTERS/Jim Young

WASHINGTON (Reuters) - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, continuou tentando pressionar o Federal Reserve nesta terça-feira, à medida que o banco central se preparava para começar sua reunião de política monetária de dois dias, alertando os membros do Fed para “não cometerem outro erro” antes de outro esperado aumento da taxa de juros.

A expectativa é que o Comitê Federal de Mercado Aberto aumente os juros pela quarta vez este ano durante sua reunião de dois dias sobre a taxa de juros que começa nesta terça-feira.

O Fed, que tem aumentado as taxas de juros em 25 pontos-base desde dezembro de 2015, prometeu elevar os juros gradualmente em direção a um nível neutro para evitar o superaquecimento da economia. Muitos economistas também esperam aumentos adicionais no ano que vem, embora em um ritmo mais lento.

Trump, que fez da economia uma parte fundamental de sua plataforma política, criticou repetidamente o Fed e seu chairman, Jerome Powell.

“Não deixem o mercado se tornar mais ilíquido do que já está. Parem com os 50 pontos básicos. Sintam o mercado, não se guiem apenas por números sem sentido. Boa sorte!”, escreveu Trump.

Por Susan Heavey

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below