September 18, 2019 / 7:48 PM / a month ago

Com recorde para etanol, Brasil vê exportação de açúcar ao menor nível em 12 anos, diz JOB

REUTERS/Marcelo Teixeira

SÃO PAULO (Reuters) - Com uma menor destinação de cana para a produção de açúcar e um aumento na produção de etanol de milho, a fabricação do biocombustível pelo país será recorde em 34,3 bilhões de litros em 2019/20 (abril/março), ante 33,8 bilhões no mesmo período da temporada passada, estimou nesta quarta-feira a consultoria Job Economia.

A produção de açúcar do país deve cair para 28,3 milhões de toneladas (considerando centro-sul e Nordeste), ante 29,1 milhões de toneladas em 2018/19, reduzindo a exportação do adoçante brasileiro para estimadas 18,5 milhões de toneladas em 2019/20, nível visto na safra 2007/08, segundo a Job.

“Ou seja, retrocedemos 12 anos em exportação de açúcar, significando que atualmente temos no etanol combustível opção melhor de uso da cana que no passado”, disse Júlio Borges, sócio-diretor da Job, em relatório.

Por Roberto Samora

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below