September 23, 2019 / 5:03 PM / in 23 days

China compra cerca de 10 cargas de soja dos EUA após negociações comerciais

06/08/2019 REUTERS/Dan Koeck

CHICAGO (Reuters) - Importadores chineses compraram cerca de 10 cargas de soja dos Estados Unidos nesta segunda-feira, após as negociações comerciais de segundo escalão ocorridas em Washington na semana passada, que foram ofuscadas por um cancelamento abrupto de visitas de autoridades chinesas a Estados agrícolas dos EUA.

Os negócios de cerca de 600.000 toneladas, para embarque nos terminais de exportação do noroeste do Pacífico norte-americano entre outubro e dezembro, são similares em tamanho em relação a uma onda de compras no início deste mês, disseram dois comerciantes com conhecimento direto dos acordos.

Os contratos futuros da soja em Chicago <0#S:>, valor de referência para a oleaginosa, saltaram cerca de 1,5% com a notícia de novas compras, avanço mais acentuado do mercado desde que os chineses adquiriram um grande volume de soja norte-americana em 12 de setembro.

Aquisições de produtos agrícolas dos EUA, como soja (a mais valiosa exportação agrícola norte-americana) e carne de porco, são vistas como fundamentais para assegurar um acordo que ponha fim à guerra comercial bilateral entre EUA e China, que já dura mais de um ano.

Um acordo comercial chegou a parecer mais distante no final da semana passada, quando autoridades chinesas cancelaram inesperadamente uma visita a fazendas em Montana e Nebraska e o presidente dos EUA, Donald Trump, disse que as compras agrícolas não iriam longe o suficiente.

Desde então, porém, autoridades norte-americanas e chinesas afirmaram que as negociações foram boas e que os planos para conversas de alto nível no mês que vem permanecem.

As compras de soja desta segunda-feira estão entre as maiores realizadas por importadores privados chineses desde que Pequim elevou as tarifas de importação sobre a oleaginosa norte-americana em 25% em julho de 2018, em medida retaliatória às taxas impostas pelos EUA sobre produtos chineses.

Outras compras de soja ao longo do último ano foram feitas quase que exclusivamente por empresas estatais chinesas, que estão isentas das altas tarifas de importação.

Por Karl Plume, em Chicago

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below