September 23, 2019 / 8:39 PM / in 2 months

Preços do petróleo sobem cerca de 1% por preocupações com retomada de produção saudita

Fumaça gerada por incêndios em instalação petrolífera da Aramco em Abqaiq, Arábia Saudita REUTERS/Stringer

NOVA YORK (Reuters) - O petróleo avançou cerca de 1% nesta segunda-feira em uma sessão volátil, com operadores focados em quando a Arábia Saudita poderá retomar sua capacidade total de produção, na sequência dos ataques de 14 de setembro às suas instalações.

Os contratos futuros do petróleo Brent LCOc1 fecharam em alta de 0,49 dólar, ou 0,8%, a 64,77 dólares por barril, enquanto o petróleo dos Estados Unidos CLc1 ganhou 0,55 dólar, ou 1%, e fechou a 58,64 dólares/barril.

“Vimos os futuros operando em ambos os lados hoje. O mercado está hesitante em gerar uma alta excessiva neste momento, até que se tenha mais fatos. Mas eu acho que as notícias altistas se sobrepõem às baixistas, e é por isso que fechamos o dia em alta”, disse Phil Flynn, analista do Price Futures Group.

Os futuros do Brent iniciaram a sessão em uma máxima de 65,50 dólares, após o Wall Street Journal dizer em reportagem que a Arábia Saudita poderia levar meses a mais do que o antecipado pela Aramco para reparar os danos causados pelos ataques de 14 de setembro.

O valor de referência global, no entanto, recuou para uma mínima de 63,53 dólares depois de a Reuters noticiar que os sauditas podem retomar produção até o início da próxima semana.

Reportagem de Alex Lawler e Dmitry Zhdannikov em Londres, Florence Tan em Cingapura

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below