September 27, 2019 / 1:25 PM / 2 months ago

Ibovespa oscila sem viés definido com Gol liderando perdas após acordo Delta-Latam

SÃO PAULO (Reuters) - A bolsa paulista não mostrava uma direção firme nesta sexta-feira, com as ações da Gol liderando as perdas do Ibovespa, após a Delta anunciar que vai vender participação na companhia aérea brasileira para comprar fatia na rival chilena Latam, enquanto Ecorodovias era destaque positivo com vitória em leilão de trecho de rodovias federais.

REUTERS/Amanda Perobelli

Às 12:29, o Ibovespa subia 0,15 por cento, a 105.476,95 pontos. O volume financeiro somava 4 bilhões de reais.

O último pregão da semana tinha como pano de fundo um cenário misto no exterior, com petróleo em queda e Wall Street sem uma tendência definida, conforme as atenções seguem voltadas para as negociações comerciais EUA-China e desdobramentos em relação ao pedido de impeachment do presidente Donald Trump.

“A insegurança de investidores segue em alta, não sendo necessárias notícias de grande ‘calibre’ para desencadear novas rodadas de alta volatilidade nos mercados”, destacou a equipe da corretora H.Commcor, em relatório a clientes.

DESTAQUES

- GOL PN caía 5,8%, após decisão da Delta Air Lines anunciada na véspera de comprar participação de 20% na Latam Airlines e, assim, vender sua fatia de longa data na companhia aérea brasileira. Na esteira, SMILES ON, controlada pela Gol, recuava 4,9%, com preocupações acerca do destino do acordo de codeshare entre Gol e Delta e assim a competitividade de bilhetes resgatados para os EUA. Também AZUL PN cedia 0,4%, dada a percepção de fortalecimento de um rival no mercado brasileiro. Em Santiago, as ações da LATAM saltavam mais de 30%.

- ECORODOVIAS ON subia 2,2%, após a concessionária de infraestrutura vencer nesta sexta-feira o leilão para concessão de trechos das BR-364 e 365, que ligam Minhas Gerais e Goiás, com um lance de 4,69364 reais para a tarifa do pedágio, um deságio de 33,14% em relação ao preço máximo de 7,02 reais. No setor, CCR ON valorizava-se 1,7%.

- ITAÚ UNIBANCO PN caía 0,9%, em sessão de ajustes após forte alta na véspera, com BRADESCO PN também no vermelho, em baixa de 0,5%. BANCO DO BRASIL ON, por sua vez, subia 0,5%, após abertura mais fraca. A Polícia Federal realizou nesta sexta-feira mandados de busca e apreensão em endereços de gerentes do BB suspeitos de envolvimento em um esquema de lavagem de dinheiro. Ainda no setor, SANTANDER BRASIL UNIT avançava 2,4%.

- PETROBRAS ON subia 1,5%, apesar da fraqueza dos preços do petróleo no mercado internacional. A petrolífera de controle estatal elevou nesta sexta-feira o preço da gasolina em suas refinarias em cerca de 2,5%. PETROBRAS PN avançava 0,8%.

- VALE ON valorizava-se 0,5%, tendo de pano de fundo a alta dos contratos futuros do minério de ferro na China.

- BRF ON perdia 1,5%, em nova sessão de ajuste negativo no setor de proteínas no Ibovespa. MARFRIG ON cedia 0,4% e JBS ON perdia 0,6%

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below