October 8, 2019 / 11:09 AM / in 8 days

Atacado pressiona e IGP-DI passa a subir 0,50% em setembro, diz FGV

Pedestres caminham por rua comercial do Rio de Janeiro, RJ 15/05/2017 REUTERS/Pilar Olivares

SÃO PAULO (Reuters) - O Índice Geral de Preços-Disponibilidade Interna (IGP-DI) passou a subir 0,50 por cento em setembro, depois de deflação de 0,51 por cento no mês anterior, com a retomada da alta nos preços no atacado, informou a Fundação Getulio Vargas (FGV), nesta terça-feira.

O Índice de Preços ao Produtor Amplo (IPA-DI) — que responde por 60% do indicador todo — avançou 0,69% no mês, após deflação de 0,91% em agosto.

As Matérias-Primas Brutas passaram a registrar alta de 0,97% em setembro após recuarem 2,27% no mês anterior, pressionadas pelo minério de ferro, milho em grão e suínos.

Para o consumidor, a pressão diminuiu em setembro, uma vez que o Índice de Preços ao Consumidor (IPC-DI), que responde por 30% do IGP-DI, registrou estabilidade no período, ante um avanço de 0,17% em agosto.

Os destaques ficaram para os setores de Habitação, com alta de 0,22%, e Alimentação, com queda de 0,67%.

O Índice Nacional de Custo da Construção (INCC-DI), por sua vez, subiu 0,46%, de uma alta a 0,42% em agosto.

O IGP-DI é usado como referência para correções de preços e valores contratuais. Também é diretamente empregado no cálculo do Produto Interno Bruto (PIB) e das contas nacionais em geral.

Por Luana Maria Benedito

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below