October 30, 2019 / 10:50 PM / 23 days ago

Petrobras quer reduzir tempo entre descoberta e início da produção para 1.000 dias

Trabalhadores em plataforma da Petrobras na Bacia de Santos (RJ) 05/09/2018 REUTERS/Pilar Olivares

SÃO PAULO (Reuters) - A Petrobras tem como meta reduzir o tempo entre a descoberta de indícios de hidrocarboneto e a produção de um campo para mil dias em águas profundas no fim da próxima década, afirmou nesta quarta-feira o diretor-executivo de Exploração e Produção, Carlos Alberto de Oliveira.

No ano passado, a média da indústria global entre uma descoberta e a produção foi de 1.900 dias, disse Oliveira, explicando que a Petrobras já tem alguns projetos enquadrados nesse patamar, que é de cerca de cinco anos.

“É uma ambição... você tem que começar a trabalhar neste sentido, então as coisas começam a acontecer, você começa a reduzir os seus tempos”, disse Oliveira, durante a feira internacional de tecnologia OTC.

Segundo o executivo, para alcançar essa meta, a empresa planeja usar inteligência artificial, integração da base de dados, aprendizado de máquina, possibilitando evitar perfurações, Teste de Longa Duração (TLD), para partir diretamente para o desenvolvimento da produção.

“Você vai ter que reduzir também os tempos de construção (de plataformas), pensar em outras alternativas para fazer essa construção... A gente vai poder iniciar a contratação antes de furar o poço, talvez nem perfure o poço”, afirmou.

Oliveira ponderou, no entanto, que o projeto ainda está em fase de elaboração.

Por Marta Nogueira e Gram Slattery

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below