for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up

China vai abrir mão de tarifas sobre alguns embarques de soja e carne suína dos EUA

Bandeiras dos Estados Unidos e da China 30/07/2019 REUTERS/Aly Song

PEQUIM (Reuters) - A China informou nesta sexta-feira que vai abrir mão de tarifas sobre alguns embarques de soja e carne suína dos Estados Unidos, no momento em que os dois lados tentam fechar um acordo para acabar com sua guerra comercial.

As isenções de tarifas foram baseadas em pedidos de empresas individuais para importações de soja e carne suína dos EUA, disse o Ministério das Finanças em comunicado, citando uma decisão do gabinete do país. Ele não especificou as quantidades envolvidas.

A China adotou tarifas de 25% sobre soja e carne de porco norte-americanos em julho de 2018 como uma contramedida às tarifas impostas por Washington devido a alegações de que a China rouba e força a transferência de propriedade intelectual dos EUA a empresas chinesas.

A isenção acontece em meio a negociações entre EUA e China para concluir a “fase um” de um acordo para afastar a guerra comercial que tem afetado os mercados financeiros, as cadeias de oferta e o crescimento econômico global.

Reportagem de Min Zhang, Huizhong Wu, Chen Yawen e Dominique Patton

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up