for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up

Vale fecha acordo com empresa chinesa para novo produto de minério de ferro

Sede da Vale no Rio de Janeiro 20/08/2014 REUTERS/Pilar Olivares

PEQUIM (Reuters) - A mineradora brasileira Vale assinou acordo de serviços com a chinesa Ningbo Zhoushan Port para o lançamento de um novo produto de minério de ferro, chamado GF88, disse a empresa chinesa do setor portuário nesta quarta-feira.

Sob o acordo, a Ningbo Zhoushan Port fornecerá serviços para o novo produto da Vale, incluindo de construção, processamento, carregamento e armazenamento, disse a empresa chinesa em seu site.

A Vale afirmou em setembro que iria começar a fornecer no primeiro trimestre de 2020 um produto de minério de ferro de alto teor, o GF88, produzido com processamento de finos de seu minério Carajas IOCJ 65%.

“A produção do GF88 não exige combustível e água, então não irá gerar rejeitos e nem resíduos de água”, disse a Vale em um comunicado, acrescentando que o produto pode fornecer matéria-prima para produção de pelotas.

“É um novo produto, desenhado especialmente para a nova era da China”, disse a Vale.

A demanda da China por pelotas de minério de ferro e minério de alta qualidade deve ganhar impulso em 2020 à medida que o governo chinês pressiona pela mudança de dezenas de siderúrgicas para regiões costeiras, em meio a uma luta contra a poluição em suas cidades industriais.

A data de início e a quantidade de produção de GF88 ainda estão em discussão entre as duas empresas, disse um porta-voz do Ningbo Zhoushan Port à Reuters.

O produto será fabricado no terminal de transferência de minério de Shulanghu, na província de Zhejiang, leste da China, de acordo com a Ningbo.

Reportagem de Min Zhang e Tom Daly

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up