December 19, 2019 / 8:58 PM / 5 months ago

Preços do petróleo têm máximas de 3 meses com menores estoques nos EUA e avanço comercial

17/09/2019. REUTERS/Christian Hartmann

HOUSTON (Reuters) - Os preços do petróleo atingiram os maiores níveis em três meses nesta quinta-feira, em sessão de baixo volume de negócios antes do Natal, impulsionados pela diminuição dos estoques petrolíferos dos Estados Unidos divulgada na véspera e pela redução das tensões comerciais entre EUA e China.

Os contratos futuros do petróleo Brent fecharam em alta de 0,37 dólar, a 66,54 dólares por barril, no sexto dia consecutivo de ganhos. Já o petróleo dos EUA avançou 0,29 dólar, para 61,22 dólares o barril.

O volume de negócios foi fraco, com o petróleo caminhando rumo a sua terceira semana seguida de altas. Os preços foram apoiados pela decisão da China de cancelar um plano de impor tarifas adicionais a importações dos EUA em 15 de dezembro e pelo acordo comercial “fase um” entre Washington e China, que amenizou as tensões.

O acordo entre as duas maiores economias do mundo melhorou o panorama econômico global, elevando as perspectivas de que haja maior demanda por energia no ano que vem e apoiando os preços do petróleo.

“O mercado está feliz como a retirada das tarifas (de 15 de dezembro) do meio do caminho e com a trégua comercial, por ora”, disse Bill Baruch, presidente da Blue Line Futures.

Reportagem de Collin Eaton em Houston, com reportagem adicional de Shadia Nasralla em Londres e Florence Tan em Cingapura

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below