January 9, 2020 / 8:21 PM / 12 days ago

Pagamento de bônus de Buenos Aires é primeiro grande teste para negociação de dívida argentina

BUENOS AIRES/LONDRES (Reuters) - A negociação da dívida argentina enfrentará seu primeiro grande teste este mês com um vencimento de 277 milhões de dólares de um bônus da província de Buenos Aires, visto como um termômetro de como o novo governo da nação endividada vai lidar com seus credores.

REUTERS/Agustin Marcarian

Os pagamentos de juros e amortização do título vencem em 26 de janeiro, com o governo provinciano já buscando conversações com os detentores da dívida para um “alívio financeiro temporário”.

A Argentina, que entrou em uma espiral de crise de dívida no ano passado e vive uma recessão, enfrenta negociações mais amplas de reestruturação de 100 bilhões de dólares em dívidas, incluindo um grande empréstimo com o Fundo Monetário Internacional (FMI).

A crise econômica que fermentava desde 2018 levou à saída do presidente conservador Maurício Macri, derrotado nas eleições de outubro pelo rival de centro-esquerda Alberto Fernández, uma mudança que preocupou alguns investidores.

Fernández e seu ministro da Economia Martin Guzmán tem, no entanto, se movimentado para acalmar investidores, contribuindo para impulsionar os preços dos títulos. Investidores já se chamuscaram feito na Argentina no passado, notadamente durante uma dolorosa reestruturação em 2005.

A província de Buenos Aires, de longe a maior da Argentina, disse na terça-feira que estava buscando avaliações dos detentores do título de 10,875% que vence em 2021, uma vez que sua situação financeira foi “severamente afetada” pela recessão econômica.

“Esse chamado é feito no arcabouço das políticas de dívida que os governos nacional e provinciano estão implementando e buscam alívio financeiro imediato para os pagamentos das obrigações de curto prazo”, afirmou.

A iniciativa derrubou os preços dos bônus na quarta e na quinta-feira, depois que o papel subiu fortemente nos último meses.

Um gestor de fundo com conhecimento do assunto disse que três subcomitês de crédito foram criados para lidar com as negociações de dívida, divididos entre dívida soberana, dívida da província de Buenos Aires e dívida das demais províncias.

Segundo o gestor, a dívida de Buenos Aires está no topo da lista e seria um “teste sobre como as coisas caminharão”. Ele acrescentou que as conversações estão no momento amigáveis e construtivas e que a reestruturação poderia ser consolidada ao longo dos próximos meses.

“A dívida da província de Buenos Aires é maior do que a soma de todas as demais províncias, é absolutamente enorme, então essa é a mais interessante”, afirmou.

O governador de Buenos Aires, Axel Kicillof, afirmou anteriormente que a província quer cumprir suas obrigações de dívida, mas que atualmente não está em condições de fazer isso. A província anunciou uma consulta com os detentores dos bônus em dezembro.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below