January 27, 2020 / 3:19 PM / 6 months ago

Vendas de novas moradias nos EUA recuam pelo 3° mês seguido em dezembro

Placa anunciando nova casa à venda em Viena, Virgínia, EUA. 20/10/2014. REUTERS/Larry Downing

WASHINGTON (Reuters) - As vendas de novas residências para uma família nos Estados Unidos caíram inesperadamente em dezembro, provavelmente por uma escassez de casas mais acessíveis, mas o mercado imobiliário continua apoiado por taxas mais baixas de hipotecas.

O Departamento de Comércio dos EUA informou nesta segunda-feira que as vendas de novas moradias caíram 0,4%, para uma taxa anualizada de 694 mil unidades com ajuste sazonal, terceiro declínio mensal direto nas vendas. As vendas no Sul do país caíram para uma mínima em mais de um ano.

O ritmo de vendas de novembro foi revisado para 697 mil unidades, ante 719 mil unidades relatadas anteriormente. As vendas do mês passado concentraram-se numa faixa de preço entre 200 mil a 749 mil dólares. As casas novas com preços abaixo de 200 mil dólares, as mais procuradas, representaram apenas 10% das vendas.

Economistas consultados pela Reuters previam que as vendas de novas moradias, que representam cerca de 11,1% das vendas no mercado imobiliário, aumentariam 1,5%, para um ritmo de 730 mil unidades em dezembro.

Por Lucia Mutikani

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below