February 5, 2020 / 9:02 PM / 4 months ago

Itaú Asset corta previsão para PIB 2020 a 2,3%, reduz estimativa de inflação e baixa Selic 2021

10/04/2018. REUTERS/Paulo Whitaker

SÃO PAULO (Reuters) - A Itaú Asset Management —braço de gestão de recursos do maior banco privado do Brasil— reduziu expressivamente sua estimativa para o crescimento da economia brasileira neste ano e também cortou projeção para a inflação.

A instituição agora vê o Produto Interno Bruto (PIB) em alta real de 2,3% em 2020, segundo documento com data desta quarta-feira. O prognóstico anterior, de dezembro passado, era de crescimento de 2,7%.

A revisão vem depois de uma série de indicadores macroeconômicos divulgados neste começo de ano terem vindo abaixo das expectativas. Mais recentemente, contudo, PMIs mostraram números melhores que o esperado.

A Itaú Asset baixou de 3,5% para 3,2% a expectativa para a inflação medida pelo IPCA em 2020 e 2021. A gestora manteve cenário de Selic a 4,25% ao fim deste ano, mas reduziu a 5,00% o número previsto para o término de 2021, ante a taxa de 5,50% esperada na atualização de projeções de dezembro passado.

Apesar da alta do dólar de cerca de 4 reais no fim do ano passado para quase 4,30 reais neste início de 2020, a Itaú Asset manteve perspectiva de que a taxa de câmbio fechará 2020 e 2021 em 4,20 reais por dólar.

Por José de Castro

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below