February 11, 2020 / 1:41 PM / in 5 months

Surto de coronavírus teve até agora impacto "marginal" na economia da UE, dizem fontes

BRUXELAS (Reuters) - O surto de coronavírus deve ter tido, neste estágio, apenas um impacto “marginal” sobre a economia da União Europeia, disseram duas autoridades da União Europeia à Reuters nesta terça-feira.

A epidemia de coronavírus já matou mais de mil pessoas na China e pressionou sua economia, com empresas lutando para voltar ao trabalho após um prolongado feriado do Ano Novo Lunar. Muitas dizem que precisarão de empréstimos no valor de bilhões de dólares para sobreviver.

Em um cenário em que o coronavírus reduzisse o crescimento econômico da China este ano em 1 ponto percentual, o impacto na economia da UE, composta por 27 países, não seria significativo, disseram as autoridades da UE, falando sob condição de anonimato.

Qualquer desaceleração econômica “neste estágio” deve permanecer confinada à China e a outras nações asiáticas, disseram as autoridades da UE, levando a uma possível revisão para baixo do crescimento global este ano de até 0,2 ponto percentual.

No entanto, as fontes da UE disseram que sua avaliação permanece preliminar e condicional à eficácia das medidas para combater o surto, alertaram as autoridades.

A Comissão Europeia, braço executivo da UE, divulgará na quinta-feira suas previsões trimestrais para o crescimento do bloco este ano e no próximo.

Por Francesco Guarascio

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below