February 21, 2020 / 9:20 PM / 3 months ago

Temores com coronavírus e dados dos EUA derrubam Wall Street

Operadores trabalham na Bolsa de Nova York, EUA 19/02/2020 REUTERS/Brendan McDermid

NOVA YORK (Reuters) - As ações dos Estados Unidos caíram nesta sexta-feira, com o Nasdaq sofrendo sua pior retração diária em cerca de três semanas, quando um aumento de novos casos de coronavírus e dados mostrando uma parada na atividade empresarial dos EUA em fevereiro alimentaram preocupações dos investidores com o crescimento global.

As quedas foram lideradas pelo setor de tecnologia pela segunda sessão consecutiva. Os pesos pesados como Microsoft, Amazon e Apple foram as que mais pesaram para o S&P 500.

O índice Dow Jones caiu 0,78%, para 28.992,68, o S&P 500 recuou 1,05%, a 3.337,68 e o índice de tecnologia Nasdaq sofreu queda de 1,79%, a 9.576,59.

Na semana, o Dow acumulou queda de 1,4% enquanto o S&P 500 caiu 1,3% e o Nasdaq, 1,6%.

A China reportou um salto em novos casos de coronavírus nesta sexta, a Coreia do Sul se tornou o mais novo foco de preocupação com 100 novos casos e no Japão mais de 80 pessoas tiveram a contaminação confirmada.

Por Caroline Valetkevitch

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below