March 3, 2020 / 7:00 PM / in 4 months

Ações europeias fecham em alta com apostas de operadores por mais estímulos após Fed cortar juro

(Reuters) - As ações europeias subiram nesta terça-feira, com investidores se concentrando em mais estímulos monetários pelos bancos centrais depois que o Federal Reserve (Fed, banco central dos Estados Unidos) cortou as taxas de juros em uma medida de emergência para amortecer o impacto econômico da epidemia de coronavírus.

Tela com gráfico do índice DAX, na Bolsa de Frankfurt. 28/02/2020. REUTERS/Equipe

O Fed foi um dos primeiros BCs de países do G7 a reduzir os custos de empréstimos em 0,5 ponto percentual, logo após o grupo ter dito que estava pronto para tomar medidas, incluindo fiscais, quando apropriado.

O índice pan-europeu STOXX 600 fechou em alta de 1,4%, depois de chegar a saltar 3,3% imediatamente após o corte de juros nos EUA.

Os bancos centrais de Reino Unido, Japão e França também demonstraram disposição para afrouxar suas políticas monetárias após uma onda de vendas na semana passada que apagou mais de 5 trilhões de dólares dos mercados de ações.

“É improvável que o Banco Central Europeu (BCE) corte os juros, mas, como o Fed, começará a ajustar as regulamentações bancárias para lidar com o que é um choque transitório”, disse Sebastien Galy, estrategista sênior macro da Nordea Asset Management, em Luxemburgo.

Ações relacionadas a turismo e lazer encerraram em alta de 1,5%, após oito dias seguidos de quedas, com restrições generalizadas de viagens para conter o surto afetando passageiros e reduzindo a demanda por hotéis.

Dos 21 subsetores europeus, apenas o bancário terminou a sessão em baixa. Empresas de serviços financeiros tendem a ter desempenho superior em um ambiente de taxa de juros mais alta.

O índice FTSEurofirst 300 fechou em alta de 1,23%, a 1.487,26 pontos.

Em LONDRES, o índice Financial Times avançou 0,95%, a 6.718,20 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX subiu 1,08%, a 11.985,39 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 ganhou 1,12%, a 5.393,17 pontos.

Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve valorização de 0,43%, a 21.748,20 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou alta de 0,80%, a 8.811,60 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 valorizou-se 1,53%, a 4.890,02 pontos.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below