March 5, 2020 / 9:05 PM / 3 months ago

Marinha, Embraer e ThyssenKrupp assinam contrato para navios Tamandaré

Avião da Embraer operado pela companhia aérea Azul na frente de instalação da fabricante, em São José dos Campos (S). 12/9/2019. REUTERS/Roosevelt Cassio

FRANKFURT/DUSSELDORF/BRASÍLIA (Reuters) - Um consórcio formado pela alemã Thyssenkrupp e a Embraer assinou nesta quinta-feira contrato para construção de quatro navios de guerra para a Marinha do Brasil, com entrega prevista para 2025 e 2028, afirmaram as empresas.

As empresas não revelaram o valor do contrato, mas a Marinha informou que o programa envolvendo os quatro navios de classe Tamandaré custa cerca de 2 bilhões de dólares.

O contrato é o primeiro grande investimento decidido pelo governo do presidente Jair Bolsonaro na área militar. Os navios serão totalmente construídos no Brasil, num estaleiro em Itajaí (SC). O nível de conteúdo local é de mais de 30% para o primeiro navio e de 40% para os outros três. A Thyssenkrupp vai fornecer a tecnologia.

Reportagem de Christoph Steitz e Tom Kaeckenhoff, reportagem adicional de Anthony Boadle

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below