March 31, 2020 / 8:30 PM / 2 months ago

Dow Jones afunda e vírus leva a queda trimestral acentuada em mais de três décadas

Um operador trabalha em um escritório comercial externo em razão do fechamento da Bolsa de Valores de Nova York, devido ao surto do coronavírus. 26/03/2020. REUTERS/Brendan McDermid.

(Reuters) - Os três principais índices de Wall Street recuaram nesta terça-feira, com o Dow Jones registrando seu maior declínio trimestral desde 1987 e o S&P 500 sofrendo sua queda trimestral mais profunda desde a crise financeira, com evidências crescentes de danos econômicos maciços em decorrência da pandemia de coronavírus.

Em uma das transformações mais rápidas para um “bear market”, o S&P 500 e o Dow Jones encerraram o primeiro trimestre mais de 20% inferiores em comparação ao final de 2019, quando a crise da saúde piorou nos Estados Unidos e paralisou as atividades comerciais.

Também foi o maior declínio registrado no primeiro trimestre para a S&P, já que os consumidores foram aconselhados a ficarem em casa, levando as empresas a anunciarem fechamento temporários e licença em massa para funcionários.

Como resultado, os economistas têm reduzido as expectativas de crescimento de 2020 e os investidores, observando relatórios financeiros trimestrais sombrios, têm temido que as inadimplências corporativas e as demissões em massa levem a uma profunda recessão.

Uma rodada sem precedentes de estímulo fiscal e monetário tinha ajudado os mercados acionários a subirem mais na semana passada, após fortes oscilações que viram o índice S&P 500, de referência, avançar 9% e recuar 12% em duas sessões consecutivas.

Mas isso não foi suficiente para dar confiança aos investidores. “Após o impacto que tivemos no mês passado, as pessoas não estão dispostas a fazerem grandes apostas em nenhuma direção no momento, principalmente porque teremos mais informações dos comentários nos primeiros relatórios de balanço a partir da próxima semana”, disse Carol Schleif, vice-diretor de investimentos da Abbot Downing em Minneapolis.

Muitos investidores também devem estar cautelosos antes da divulgação de dados sobre pedidos de auxílio-desemprego na quinta-feira e do relatório de folha de pagamento não agrícola de março na sexta-feira, disse Steven DeSanctis, estrategista da Jefferies.

O Dow Jones recuou 1,84%, para 21.917,16 pontos, o S&P 500 perdeu 1,60%, para 2.584,59 pontos e o Nasdaq Composite caiu 0,95%, para 7.700,10 pontos.

A Nasdaq, que concentra ativos de tecnologia, registrou seu maior declínio trimestral desde o fim de 2018.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below