April 17, 2020 / 12:41 PM / a month ago

Não está claro se medidas para combater vírus são suficientes, diz Weidmann, do BCE, à Bloomberg

presidente do banco central alemão, Jens Weidmann, em reunião do FMI em Washington 12/4/2019 REUTERS/James Lawler Duggan

BERLIM (Reuters) - Ainda não é possível dizer se as medidas projetadas para apoiar a economia da zona do euro durante a pandemia do novo coronavírus serão suficientes, disse o presidente do banco central alemão, Jens Weidmann, em entrevista à Bloomberg, acrescentando que políticas monetárias e fiscais expansionistas continuarão necessárias por algum tempo.

“Ainda não é possível dizer com certeza se as medidas adotadas até o momento serão suficientes”, disse Weidmann, também autoridade de política monetária do Banco Central Europeu.

“Os fatores decisivos para o desenvolvimento econômico serão o curso da pandemia, a duração do isolamento e se as medidas adotadas abordam com sucesso a liquidez e os possíveis problemas de solvência que as empresas e famílias enfrentam”, afirmou ele em entrevista publicada nesta sexta-feira.

“Uma política monetária e fiscal expansionista continuará sendo necessária por algum tempo”, acrescentou.

Reportagem de Thomas Escritt

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below