April 17, 2020 / 5:46 PM / a month ago

Secretaria do RJ suspende obrigações ambientais de companhias do Estado durante pandemia

Vista aérea de unidade da CSN em Volta Redonda (RJ) 16/01/2009 REUTERS/Fernando Soutello

SÃO PAULO (Reuters) - A Secretaria do Ambiente e Sutentabilidade do Rio de Janeiro suspendeu nesta sexta-feira prazos de cumprimento de obrigações definidas por acordos de ajustamento de conduta assinados por companhias que operam no Estado, segundo resolução publicada em diário oficial fluminense.

A suspensão foi definida diante dos impactos econômicos gerados pela pandemia de Covid-19 e deve beneficiar empresas como a CSN, que tem TACs assinados junto a autoridades ambientais do Estado envolvendo operações de sua usina siderúrgica em Volta Redonda.

A medida é válida nos casos em que o “descumprimento, nesse período, não acarrete degradação ambiental ou risco à saúde pública”, segundo a resolução.

“O fim da suspensão...ocorrerá concomitantemente ao término das medidas de enfrentamento da propagação decorrente do novo coronavírus (Covid-19), em razão da situação de emergência em saúde, estabelecidas pelo governo do Estado”, afirma o texto.

Por Alberto Alerigi Jr.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below