April 20, 2020 / 11:30 AM / 4 months ago

Exportações do Japão caem após coronavírus afetar demanda dos EUA

Carros recém-fabricados aguardam exportação no porto de Yokohama, Japão 15/11/2017 REUTERS/Toru Hanai/File Photo

TÓQUIO (Reuters) - As exportações do Japão caíram à maior taxa em quase quatro anos em março, depois que as remessas para os Estados Unidos, incluindo carros, caíram ao ritmo mais rápido desde 2011, destacando os danos que a pandemia de coronavírus infligiu ao comércio global.

Os dados sombrios desta segunda-feira enfatizaram os desafios que o governo do primeiro-ministro Shinzo Abe enfrenta ao lidar com um colapso da atividade que deve levar a economia global à sua pior recessão desde a Grande Depressão da década de 1930.

Dados do Ministério das Finanças do país mostraram que as exportações japonesas caíram 11,7% no ano até março, em comparação com uma queda de 10,1% esperada pelos economistas em uma pesquisa da Reuters.

Isso segue-se a uma queda de 1% em fevereiro, e marcou o maior declínio desde julho de 2016, uma vez que os embarques para os principais destinos de exportação do Japão — a China, os Estados Unidos e a Europa — foram atingidos.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below