for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up

IPC-S passa a cair 0,18% em abril com arrefecimento dos transportes, diz FGV

Placa com preços de combustíveis em posto de Cuiabá (MT) 02/10/2019 REUTERS/Marcelo Teixeira

SÃO PAULO (Reuters) - O Índice de Preços ao Consumidor Semanal (IPC-S) encerrou abril com queda de 0,18%, depois de subir 0,34% em março, com os preços dos transportes recuando em meio à pandemia de coronavírus, informou a Fundação Getulio Vargas (FGV) nesta segunda-feira.

Os dados mostraram que o grupo Transportes acelerou a queda a 2,02% em abril, após cair 0,13% na leitura do mês anterior. Segundo a FGV, a maior contribuição para esse movimento veio dos preços da gasolina, que registraram queda de 6,76% na última leitura.

Também registraram deflação no mês os grupos Vestuário (-0,32%)e Educação, Leitura e Recreação (-0,90%).

A pandemia de coronavírus tem paralisado a atividade econômica em todo o mundo, o que afetou a demanda por petróleo e seus derivados, consequentemente impactando os preços dos combustíveis.

Por Luana Maria Benedito

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up