for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up

Índices da China fecham em baixa por perspectiva comercial sombria

PEQUIM/XANGAI (Reuters) - Os índices acionários da China fecharam em baixa nesta quinta-feira, com os investidores mantendo a cautela diante de uma perspectiva comercial sombria globalmente que pode desacelerar a recuperação da segunda maior economia do mundo após a crise do coronavírus.

O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, caiu 0,29%, enquanto o índice de Xangai teve recuo 0,23%.

O subíndice do setor financeiro perdeu 0,69%, o de consumo subiu 0,89%, o imobiliário recuou 0,95% e o de saúde teve alta de 0,03%.

As exportações da China subiram inesperadamente em abril pela primeira vez neste ano uma vez que as fábricas correram para compensar as perdas devido ao choque do coronavírus, mas uma queda de dois dígitos nas importações sinaliza mais problemas à frente.

. Em TÓQUIO, o índice Nikkei avançou 0,28%, a 19.674 pontos.

. Em HONG KONG, o índice HANG SENG caiu 0,65%, a 23.980 pontos.

. Em XANGAI, o índice SSEC perdeu 0,23%, a 2.871 pontos.

. O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em XANGAI e SHENZHEN, retrocedeu 0,29%, a 3.924 pontos.

. Em SEUL, o índice KOSPI teve desvalorização de 0,01%, a 1.928 pontos.

. Em TAIWAN, o índice TAIEX registrou alta de 0,63%, a 10.842 pontos.

. Em CINGAPURA, o índice STRAITS TIMES não teve operações.

. Em SYDNEY o índice S&P/ASX 200 recuou 0,38%, a 5.364 pontos.

Reportagem de Zhang Yan em Pequim e Andrew Galbraith em Xangai

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up