for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up

Provisões maiores do Itaú levam Itaúsa a lucro 53% menor no 1º tri

(Reuters) - A Itaúsa , holding do Itaú Unibanco, anunciou nesta segunda-feira que teve lucro recorrente de 1,06 bilhão de reais, montante 53,4% menor do que um ano antes, sob efeito de maiores provisões para perdas com inadimplência feitas pelo banco devido aos efeitos econômicos da Covid-19.

A companhia, que também tem participações na fabricante de calçados Alpargatas, na produtora de painéis de madeira e louças sanitárias Duratex e na NTS, afirmou que os resultados das empresas investidas apresentarão desempenho abaixo do esperado inicialmente para o ano e em relação a 2019.

Na semana passada, o Itaú Unibanco havia informado que seu lucro recorrente do período teve queda de 43,1% ano a ano, devido a um salto de 165% nas provisões para perdas esperadas com calotes. O banco responde por cerca de 90% do resultado da holding.

Redação São Paulo

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up