May 15, 2020 / 9:12 PM / 15 days ago

Contagem de sondas de óleo e gás ativas nos EUA bate mínima recorde pela 2ª semana

Sonda de petróleo em Wink, Texas (EUA) 22/08/2018 REUTERS/Nick Oxford

(Reuters) - Empresas de energia dos Estados Unidos reduziram o número de sondas de petróleo e gás natural em operação no país para uma mínima histórica pela segunda semana consecutiva, à medida que produtores cortam gastos em novas perfurações após o colapso dos preços do petróleo em função de quarentenas globais relacionadas à pandemia de coronavírus.

A contagem de sondas, indicador prévio de produção futura, recuou em 35 unidades na semana terminada em 15 de maio, para mínima recorde de 339 equipamentos ativos, segundo dados da empresa de serviços em energia Baker Hughes, que remetem até 1940.

A mínima recorde anterior era justamente da semana finalizada em 8 de maio, com 374 sondas.

Mais da metade do total de sondas de petróleo dos EUA está na bacia de Permian —no oeste do Texas e leste do Novo México—, onde 23 unidades foram desativadas nesta semana, levando a contagem a 175 sondas, menor nível desde julho de 2016.

A demanda global por petróleo deve cair cerca de 10% em 2020 na comparação com o ano passado, o que tem levado as empresas do setor a promover drásticos cortes de gastos, demitir milhares de trabalhadores e fechar produção, para compensar o excesso de oferta global.

“O número de sondas em operação nos EUA caiu 52% desde o início do ano. Mais de 400 sondas foram desativadas, o que já supera a contagem das que continuam em atividade”, disseram analistas da Enverus DrillingInfo.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below