May 22, 2020 / 2:55 PM / 11 days ago

Wall St recua com tensões EUA-China e temores econômicos

Pedestre caminha em frente à Bolsa de Valores de Nova York, em Wall Street 09/10/2019 REUTERS/Brendan McDermid

(Reuters) - Os principais índices acionários de Wall Street operavam entre estabilidade e leve queda nesta sexta-feira, com tensões sino-americanas pesando em mercados que já estão em dificuldades para medir o ritmo da recuperação econômica diante da crise do coronavírus.

A retórica do presidente norte-americano, Donald Trump, contra o plano da China para uma lei de segurança nacional em Hong Kong levantou preocupações sobre Washington e Pequim voltarem atrás na Fase 1 de seu acordo comercial.

Temores da retomada da guerra comercial frearam o rali de abril em Wall Street, e os índices agora estão se movendo em uma faixa estreita, com novas ações tarifárias podendo dificultar a recuperação do choque econômico do coronavírus.

“O sentimento está realmente vulnerável para ativos (avaliados como) caros no momento”, disse Andrea Cicione, chefe de estratégia da TS Lombard.

Às 11:52 (horário de Brasília), o índice Dow Jones caía 0,46%, a 24.361 pontos, enquanto o S&P 500 perdia 0,215024%, a 2.942 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq recuava 0,14%, a 9.272 pontos.

Dez dos 11 principais subíndices do S&P 500 caíam na sessão, liderados pelo de energia, com os preços do petróleo caindo mais de 4%. Ações de tecnologia e assistência médica exerciam a maior pressão negativa no índice.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below