for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up

Podemos rever programas sociais, mas não com valor de R$600, diz Guaranys

Pessoas fazem fila para tentar sacar o auxílio emergencial concedido pelo governo em meio à pandemia do Covid-19, no Rio de Janeiro 29/04/2020 REUTERS/Pilar Olivares/File Photo/File Photo

BRASÍLIA (Reuters) - O secretário-executivo do Ministério da Economia, Marcelo Guaranys, afirmou nesta terça-feira que o governo pode rever programas sociais à frente, mas não com benefícios no valor de 600 reais, valor referente ao auxílio emergencial.

Em evento virtual promovido pela KPMG, ele disse que o custo do auxílio emergencial é de cerca de 150 bilhões de reais para três meses, o que avaliou como “muito dinheiro”.

Por Marcela Ayres

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up