June 4, 2020 / 12:05 AM / in a month

Exportação de soja do Brasil deve recuar para 10,8 mi t em junho, diz Anec

Navio carregado com soja para exportação no Porto de Santos (SP) 19/05/2015 REUTERS/Paulo Whitaker

SÃO PAULO (Reuters) - As exportações brasileiras de soja devem recuar 22,3% em junho ante maio, para 10,8 milhões de toneladas, estimou a Associação Nacional dos Exportadores de Cereais (Anec) nesta quarta-feira, com base na programação de embarques de navios nos portos.

Em maio, o país exportou 13,9 milhões de toneladas do grão, de acordo com o levantamento, em meio à firme demanda da China pela oleaginosa. A desaceleração projetada para junho está relacionada ao ciclo da cultura no Brasil, que já passa do pico de embarques para a safra 2019/20.

Com o desempenho estimado para este mês, as exportações de soja devem totalizar 60,5 milhões de toneladas no acumulado do semestre, segundo a associação.

Para o farelo de soja, a Anec projeta embarques de 1,68 milhão de toneladas em junho, queda de 1,17% em relação a maio, quando foram comercializadas 1,70 milhão de toneladas no mercado internacional.

No semestre, a perspectiva é de que 8,64 milhões de toneladas de farelo sejam enviadas pelo Brasil ao exterior.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below