June 8, 2020 / 8:03 PM / a month ago

Vendas antecipadas de soja e milho de MT saltam e afastam-se da média, diz Imea

Plantio de soja em Tangará da Serra (MT) 27/03/2012 REUTERS/Paulo Whitaker

SÃO PAULO (Reuters) - A comercialização de soja e milho de Mato Grosso na safra 2020/21, que será colhida somente no ano que vem, afastou-se mais da média histórica, com as vendas da oleaginosa superando 40% do total da projeção de produção e os negócios com o cereal suplantando um terço da colheita esperada, de acordo com dados do Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea) divulgados nesta segunda-feira.

Em meio a um câmbio favorável a exportações, os negócios com a soja da safra futura avançaram até o final de maio para 41,52% do total projetado, ante 37,25% no mês anterior, segundo o instituto de análises ligado a associações de produtores.

Dessa forma, a comercialização da nova safra de soja de Mato Grosso, maior produtor de grãos do Brasil, alta de 26,94 pontos percentuais ante a média história para esta época.

A comercialização de milho do Estado da safra 2020/21 atingiu 35,10% do total projetado, ante 29,47% no mês anterior, informou o Imea.

Pela média de cinco anos, produtores teriam comercializado pouco mais de 5% da safra futura de milho nesta época.

Por Roberto Samora

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below