for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up

Índice de Xangai tem maior queda em 4 semanas com redução das esperanças de estímulo

HONG KONG (Reuters) - O mercado de ações de Xangai registrou sua maior queda em quatro semanas nesta quinta-feira depois que a China manteve sua taxa de juros, enquanto as expectativas de mais apoio de política monetária de Pequim perderam força.

Painel de cotações das bolsas em uma corretora de Tóquio. REUTERS/Toru Hanai/File Photo

O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, recuou 1,3%, assim como o índice de Xangai, que marcou seu pior dia desde 24 de julho.

O subíndice do setor financeiro do CSI300 recuou 1,3%, o setor imobiliário caiu 0,3% e o subíndice de saúde perdeu 0,8%.

A China manteve sua taxa básica de juros para empréstimos corporativos e residenciais, como esperado, pelo quarto mês consecutivo em sua reunião de agosto nesta quinta-feira.

. Em TÓQUIO, o índice Nikkei recuou 1,00%, a 22.880 pontos.

. Em HONG KONG, o índice HANG SENG caiu 1,54%, a 24.791 pontos.

. Em XANGAI, o índice SSEC perdeu 1,30%, a 3.363 pontos.

. O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em XANGAI e SHENZHEN, retrocedeu 1,30%, a 4.679 pontos.

. Em SEUL, o índice KOSPI teve desvalorização de 3,66%, a 2.274 pontos.

. Em TAIWAN, o índice TAIEX registrou baixa de 3,26%, a 12.362 pontos.

. Em CINGAPURA, o índice STRAITS TIMES desvalorizou-se 1,29%, a 2.527 pontos.

. Em SYDNEY o índice S&P/ASX 200 recuou 0,77%, a 6.120 pontos.

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up