for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up

VLI inicia nova rota para exportação de ferro-gusa pelo Espírito Santo

26/10/2016. REUTERS/Ueslei Marcelino

SÃO PAULO (Reuters) - A operadora de logísticas VLI deu início a uma nova rota para o escoamento de ferro-gusa, unindo a operação ferroviária da empresa ao setor de embarques do porto de Tubarão, em Vitória (ES), informou a companhia nesta quarta-feira.

De acordo com a VLI, pela nova alternativa de rota, as cargas são capturadas em terminais ferroviários no interior de Minas Gerais e transportados para o complexo portuário capixaba. Dois embarques foram realizados até o momento, totalizando 100 mil toneladas de ferro-gusa, que tiveram como destino final a China.

O gerente-geral Comercial da empresa, Asley Ribeiro, disse em nota que o objetivo da operadora logística é ampliar sua parcela de mercado nas exportações do produto para pelo menos 50%, ante 30% atualmente.

“Seguimos com as operações no Porto de Paul e continuaremos trabalhando... para viabilizar também os embarques por meio do Terminal de Capuaba e/ou Cais Comercial”, disse ele, mencionando instalações portuárias no Espírito Santo.

A VLI destacou ainda que a Kéntron, grande vendedora de ferro-gusa, está entre as empresas que a rota atenderá.

No mesmo comunicado, o gerente de exportação da Kéntron, Breno Faria, afirmou ver a rota como “relevante”, acrescentando que ela “gera um ganho de escala”.

Por Gabriel Araujo

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up